Take a fresh look at your lifestyle.

Gravidez semana a semana

Curiosa para saber o que acontece com seu bebê durante a gestação? Acompanhe a gravidez semana a semana!

Acompanhar a gravidez semana a semana é provavelmente uma coisa que toda gestante costuma fazer, afinal, a ansiedade é grande e a curiosidade para saber o que está acontecendo lá dentro é maior ainda!

A gente preparou para você um resuminho das principais mudanças que acontecem com seu corpo e com seu bebê a cada semana da gestação.

Calculadora de gravidez

Existem diversos sites que te ajudam a fazer esse cálculo. Vale a pena usar um deles para te ajudar a calcular com quantas semanas você descobriu a gestação, para te ajudar a ter uma ideia da data aproximada do nascimento e vai ser importante para te ajudar a não perder as contas e te ajudar a acompanhar a gravidez semana a semana.

Fases da gestação e da formação do bebê semana a semana

Acompanhe conosco sua gravidez semana a semana e o desenvolvimento do seu bebê.

Começamos na quinta semana pois é a partir dela que você pode sentir os sinais da gestação e descobrir que está esperando um bebezinho.

5ª semana

Com cinco semanas de gravidez, seus níveis de hormônio Beta hCG agora são altos o suficiente para confirmar que você está grávida. Neste ponto, você pode começar a sentir desejos de gravidez e enjoos matinais, além de perceber que você está mais sonolenta e irá ao banheiro com mais frequência. Para evitar os enjoos matinais, pode ser legal ter ao lado da cama uma torradinha ou uma bolacha água e sal. Coma antes mesmo de se levantar. Ter algo no estômago ajuda a maioria das mulheres a diminuírem esse desconforto.

Seu bebê tem o tamanho de uma semente de laranja, o cordão umbilical está se formando e, até o final desta semana, seu bebe já terá coração, fígado, músculos, ossos, olhos e ouvidos.

6ª semana

Os enjôos estão aumentando, seus rins estão trabalhando mais – e você está fazendo muito mais xixi – e seus seios estão mais rígidos e começando a crescer. O cansaço e a sonolência também serão seus companheiros neste período e isso é natural, pois o primeiro trimestre é o período que exige do seu corpo maior esforço. O inchaço também é natural e apesar de ir ao banheiro o tempo todo ser muito irritante, você deve aumentar seu consumo de líquidos.

Seu bebê tem agora o tamanho de uma ervilha. O rosto dele vai se desenvolver esta semana e ele vai dobrar de tamanho. Já é possível ver o coração de seu bebê num ultrassom.

Na sexta semana, seu bebê tem o tamanho de uma ervilha!

7ª semana

Apesar da sua barriguinha ainda não estar aparecendo, seu corpo está fervilhando. Os hormônios estão a todo vapor, o vaso sanitário é seu melhor amigo, você continua sonolenta e cansada e os enjôos são grandes companheiros. O lado bom disso é que seus seios seguem aumentando e sua pele está ganhando aquele brilho da gravidez. Não esqueça de continuar tomando bastante água.

Seu bebê agora é mais ou menos do tamanho de um mirtilo e começa a fazer seus primeiros movimentos esta semana, embora você ainda não possa sentí-los. Os rins dele estão se desenvolvendo e a face também. Seu corpinho começa a esboçar a presença de braços e pernas.

8ª semana

Seu útero está crescendo, então é provável que suas roupas comecem a ficar apertadas. Os enjôos matinais – e ao longo do dia – não diminuíram, muito menos o cansaço. Pelo contrário, isso só aumenta. As idas frequentes ao banheiro continuam frequentes. Continue bebendo bastante água e tente se alimentar com pequenas porções de cada vez. Seu volume sanguíneo teve um aumento de cerca de cinquenta por cento.

Seu bebê tem aproximadamente o tamanho de um grão de feijão. Seus olhos já têm cor e sua medula, ossos e intestino estão se formando.

9ª semana

Uma boa pedida é começar a usar roupas mais confortáveis, afinal você já está bem desconfortável devido ao cansaço, os enjoos e as idas frequentes ao banheiro. Continue se hidratando e se alimentando com pequenas porções.

Seu bebê tem o tamanho de uma azeitona verde. As mãos, os pés e os dedinhos começam a tomar forma. Ele se mexe bastante o tempo todo, mas você ainda não consegue sentir. Nesta semana começam a se formar os órgãos genitais, que por enquanto são idênticos, então ainda não é possível saber o sexo.

10ª semana

É possível que você comece a sentir seu intestino mais preso. Hora de comer muitas fibras, frutas, legumes e verduras e diminuir a quantidade de carboidratos brancos e amarelos, como arroz e batata. Siga bebendo bastante água. É muito provável que neste ponto da gestação o seu humor comece a mostrar para você e para o mundo do que os hormônios são capazes. Irritação e instabilidade são normais e provavelmente vão te acompanhar até o fim da gestação. Sua barriguinha vai definitivamente começar a ganhar os contornos da gestação.

Seu bebê agora deixa de ser chamado de embrião e passa a ser chamado de feto. Ele já tem um coração funcionando completamente e seu cérebro começa a se desenvolver. Ele já pesa cerca de cinco gramas e tem o tamanho de uma ameixa seca.

11ª semana

Não apenas seu feto está se desenvolvendo, mas seu corpo está se modificando para dar o suporte que o seu feto precisa, então você gasta muita energia e é normal se sentir cansada. Procure não se irritar com isso, logo irá passar. Continue se hidratando bem e comendo o melhor possível, apesar do xixi frequente e dos enjoos. É normal que sua pressão caia um pouco, mas se acontecer com frequência, você deve procurar um médico.

Seu bebê está do tamanho de um limão. Os pulmões estão se formando e ele já tem uma face bem definida. Sua língua já tem até as papilas gustativas!

12ª semana

A pior parte já passou. Até aqui, existe risco de aborto espontâneo e a gestação exige mais do seu corpo, pois as estruturas do seu bebê estão se formando. A partir daqui o corpo do seu bebê irá amadurecer até ficar pronto para o nascimento. A tendência é que você sinta cada vez menos episódios de enjoos. O cansaço também deve melhorar. Mas o xixi frequente, ah, esse vai contigo até o final! Algumas mulheres apresentam dores de cabeça nessa semana, mas não são todas.

Seu bebê está mais ou menos do tamanho de uma nectarina. Seu sistema digestivo começa a funcionar e treinar para realizar suas funções. A audição do seu bebê começa a funcionar.

Na décima segunda semana, seu bebê já está mais crescido!

13ª semana

Com a chegada do segundo trimestre da gestação, chega a chamada lua de mel da gestação. Pelos próximos três meses é muito provável que você se sinta mais bem disposta, menos cansada. É provável que os enjoos diminuam e que você sinta menos sono. É bom ter em mente que isso não é uma regra e pode acontecer diferente com você. Converse com seu médico caso você se sinta muito diferente, para ter certeza que está tudo bem com a sua saúde e a saúde e o desenvolvimento do bebê.

Seu bebê está agora do tamanho de um pêssego, aproximadamente. Suas cordas vocais estão em formação e suas pálpebras estão fechadas para proteger os olhinhos nos próximos meses.

14ª semana

Sua barriguinha já está bem visível e com os contornos típicos da gravidez. Os incômodos do primeiro trimestre devem ter sumido, mas o segundo trimestre trás uma nova preocupação: seu sistema imunológico está mais fraco – isso serve para que ele não rejeite seu feto – mas você precisa tomar mais cuidado para não pegar um resfriado, por exemplo. Capriche na alimentação e principalmente na ingestão de vitamina C. Algumas mulheres percebem que os seios vazam um líquido grosso e esbranquiçado – já é o colostro.

Seu bebê tem agora aproximadamente o tamanho de uma maçã. O bebê começa a engolir bocados de líquido amniótico que são absorvidos pelo sistema digestivo e pelo sistema urinário. Seu bebê já faz xixi, que volta para o líquido amniótico. O cabelo também começa a se formar.

15ª semana

Os enjoos diminuíram e a fome aumentou, então você tende a comer mais e melhor, mas então pode chegar outra acompanhante indesejada: a azia. Para evitar esse desconforto, se alimente mais vezes ao dia e sempre em pequenas porções, isso vai ajudar seu corpo a digerir os alimentos com mais facilidade.

Seu bebê já tem o tamanho de uma grande laranja e pesa mais ou menos o mesmo que um ovo de galinha. Ele se mexe o tempo todo, embora você ainda não possa sentir. As orelhinhas já tomaram forma e seu bebê pode escutar melhor os sons de dentro do seu corpo – como as batidas do seu coração – e de fora dele.

16ª semana

Sua barriguinha está crescendo visivelmente e sua placenta já está completamente formada. É natural e esperado que você esteja ganhando cerca de meio quilo por semana. Seus seios estão maiores e talvez você precise investir em sutiãs com maior sustentação – evite os modelos que possuam arame para não correr risco de algum acidente machucar seus seios. Sua mucosa nasal também começa inchar e é comum que algumas mulheres tenham sangramentos nasais. Se isso acontecer contigo, não se apavore, procure manter a cabeça levantada e ficar num local seguro para evitar tonturas. Se isso acontecer muitas vezes, converse com seu médico.

Seu bebê está crescendo consideravelmente e nesta altura ele já deve ter mais ou menos o tamanho de um abacate. A partir daqui já é provável que você comece a sentir os movimentos dele. Mas não se preocupe se ainda não sentir, lembre-se que isso pode variar de mulher para mulher e até de gestação para gestação.

17ª semana

O aumento do fluxo sanguíneo no seu corpo pode ocasionar também um aparecimento de frequentes dores de cabeça. Procure descansar o máximo possível e evitar situações de stress, que tendem a piorar esse quadro.

Seu bebê começa a ganhar gordura, que o ajuda a manter a temperatura corporal. Ele está com o tamanho de um grande abacate. As impressões digitais já existem e é possível que você flagre seu bebê chupando o dedo em algum ultrassom.

Na décima sétima semana, seu bebê começa a ganhar gordura.

18ª semana

É provável que sua linha nigra comece a se desenhar, se ainda não começou. Junto com ela, podem começar a aparecer manchas e estrias. Capriche na hidratação do seu corpo, adote o óleo de amêndoas como seu companheiro.

Seu bebê cresceu menos essa semana e o ritmo de crescimento agora tende a diminuir mesmo.  Mas ele já tem os cinco sentidos desenvolvidos e pode responder a estímulos externos. Aproveite para começar a brincar mais com ele.

19ª semana

O bebê está crescendo e se mexendo cada vez mais. Isso poderá te trazer um novo desconforto, as câimbras. Infelizmente essa novidade deve ir contigo até o nascimento do bebê. Mas a boa notícia é que nem todas as mulheres sentem câimbras o tempo todo.

Agora já é possível saber o sexo do seu bebê – se ele colaborar na hora do ultrassom e abrir as perninhas! Mas a genitália já está formada e o sexo já está definido.

20ª semana

A azia e a má digestão seguem suas companheiras, assim como as câimbras e o xixi que insiste em sair sem parar. Não tem jeito! Mas pense que você já chegou na metade da gestação!

Seu bebê já tem o tamanho de um pequeno melão. Os ossinhos estão ficando mais fortes e os chutinhos mais doloridos – insira mais cálcio na sua alimentação, pois ele vai precisar. A partir daqui o peso do seu bebê começa a superar o peso da placenta. Bracinhos e perninhas começar a espichar e seu bebê vai ficando cada dia mais parecido com aquele que você irá conhecer após o parto.

21ª semana

Parece que a cada semana a gente te conta um desconforto novo, não é? Como seu bebê está cada vez maior, isso infelizmente vai mesmo acontecer. A partir daqui você deve ficar de olho também nas varizes.

Seu bebê já tem mais ou menos o tamanho de uma cenoura e já se mexe de forma bastante perceptível, inclusive para as outras pessoas. E agora ele também dorme bastante!

22ª semana

Até que enfim uma boa notícia: você vai perceber um aumento no seu desejo sexual. Finalmente seus hormônios em ebulição farão algo positivo por você!

Seu bebê agora está do tamanho de um coco. Embora suas pálpebras ainda estejam bem fechadas, ele já percebe a diferença entre ambientes claros e escuros. Cada vez mais o seu bebê se parece com um bebezinho.

23ª semana

É normal que você sinta tonturas durante a gestação, portanto procure se movimentar com cuidado e evite fazer movimentos bruscos. A evolução da sua gravidez semana a semana está trazendo constantes novidades, mas a cautela você deve manter o tempo todo.

Seu bebê já está completamente formado, mas ainda é muito pequeno e magrinho. Nas próximas semanas ele deve ganhar peso e crescer.

24ª semana

Durante a gestação, seus músculos relaxam, inclusive os que controlam a saída da sua urina. Por isso é importante você tomar muito cuidado com a sua higiene íntima. Siga bebendo muito líquido e qualquer alteração, principalmente de temperatura, procure um médico.

Agora seu bebê está começando a aprender a dormir – e acordar. Você pode perceber que se ele estiver quieto, provavelmente vai se mexer quando você beber água gelada. Se ele estiver muito agitado e você começar a fazer movimentos ritmados, como a gente faz quando está ninando um bebê, ele provavelmente ficará quietinho, pois dormiu.

25ª semana

Como seu bebê está ficando mais atento aos sinais externos, ele começa a ficar mais suscetível a sentir alterações. Por isso é bom que você tente ficar o mais tranquila possível e descansar o máximo possível. Dormir anda difícil? Tente dormir virada para o lado esquerdo, é a forma mais confortável de acomodar seu bebe e seus órgãos.

Seu bebê tem mais ou menos o tamanho de uma grande espiga de milho e o foco agora é o amadurecimento dos pulmões.

Na vigésima quinta semana, seu bebê está pronto para começar a desenvolver os pulmões.

26ª semana

A gente sabe que dormir está mais difícil a cada dia, afinal sua barriga está crescendo cerca de um centímetro por semana e isso não é pouco. Fique de olho na sua pressão – se ela anda alta, você precisa conversar com seu médico.

A retina do seu bebê começa a se desenvolver e ele eventualmente já abre os olhos. Ele se mexe cada vez mais e o espaço para isso está cada vez menor.

27ª semana

Comer algo rico em cálcio antes de dormir – como uma banana ou um copo de leite – pode ajudar a evitar inconvenientes câimbras noturnas.

Seu bebê está cada vez mais esperto e já responde a estímulos externos se mexendo ou com aumento dos batimentos cardíacos. Outra coisa fofa, mas com a qual muitas mães de primeira viagem se preocupam são os soluços – mas fique calma, é bastante normal.

28ª semana

Começou o último trimestre e as coisas vão voltar a complicar. É hora de começar a pensar no parto e fazer todos os exames necessários. Pense também no chá de fraldas enquanto você ainda não está exausta demais.

Aproveite para interagir com seu bebê e estimular todos que irão conviver com ele a fazerem o mesmo.

29ª semana

Sua atenção precisa ficar redobrada agora. Seu bebê vai se mexer menos porque o espaço está cada vez menor, mas se você perceber que ele não está se mexendo, tome um copo de água gelada ou coma alguma coisa. Se ainda assim os movimentos não voltarem ao normal, procure seu médico.

Seu bebê continua crescendo e seus sentidos estão mais aguçados. Seu bebê pode até saborear os pratos que você comer, então capriche nas escolhas.

30ª semana

A azia está cada vez pior e começa a ficar difícil até respirar. Procure descansar o máximo possível e siga monitoramento os movimentos do seu bebê. Fique atenta a sintomas de depressão – os hormônios em ebulição podem te lançar nessa direção – portanto a qualquer sinal, procure seu médico.

E seu bebê segue acumulando gordura, que será importantíssima caso ele precise nascer antes do tempo.

31ª semana

O cansaço e seu bebê só aumentam. Agora você já está se sentindo desajeitada e com dificuldades para executar alguns movimentos. Fique calma e pense que está acabando! Não há muito o que você possa fazer para minimizar o desconforto, apenas descansar o máximo possível.

32ª semana

A falta de ar aumenta, as idas ao banheiro também e as dores na cabeça e nas costas parecem fazer parte de você, assim como a azia. Sua barriga está pressionando seus órgãos e todos esses sintomas são normais e irão contigo até o parto.

O cérebro do bebê está trabalhando a todo vapor, atento a tudo e com os sentidos totalmente aguçados.

33ª semana

Já não bastava todo o resto, agora seu peito começa a vazar e têm início as contrações de treinamento. Seu corpo está se preparando para o parto e é importante você conversar com seu médico sobre as contrações.

Seu bebê segue acumulando gordura e seu corpinho está treinando para se adaptar à vida do lado de fora do útero.

34ª semana

Tente minimizar o crescente desconforto dormindo cercada de muitos travesseiros e almofadas. E não se assuste se sua visão embaçar um pouco, são eles, sempre eles, os hormônios.

Mesmo ainda faltando algum tempo para o nascimento, seu bebê está se posicionando da forma adequada para o nascimento. Você pode sentir bastante dor caso ele precise fazer um movimento muito grande para encaixar. Se for este o caso, procure seu médico imediatamente.

35ª semana

A vantagem do bebê se encaixar na sua pelve é que sua barriga vai descer e respirar vai ficar mais fácil. Mas a dor nas costas vai aumentar.

Nem sempre as notícias dos sintomas da sua gravidez semana a semana são as melhores, mas agora você vai entrar no último mês e embora as coisas não fiquem mais fáceis, vai passar rápido e logo você estará com seu bebezinho dos braços.

Pronta para entrar no último mês de gravidez?

36ª semana

A partir daqui, caso seu bebê nasça ele não será mais considerado um feto, mas um bebê prematuro. As contrações de treinamento devem se intensificar. E fique atenta pois você pode perder o tampão mucoso.

37ª semana

É normal sentir dor na área pélvica, afinal tem uma cabecinha ali pronta para nascer! Aliás, deixe a mala da maternidade pronta pois isso pode acontecer a qualquer momento. Preste sempre muita atenção aos movimentos do bebê. Se ele passar muito tempo quieto, procure seu médico.

38ª semana

Embora esteja cada vez mais irritante visitar o banheiro com tanta frequência, você precisa se manter hidratada. Como é normal que o líquido amniótico diminua de volume, procure se hidratar ainda mais. Beba o máximo de líquido que puder, mas sempre em pequenas quantidades, para seu corpo absorver melhor.

39ª semana

A partir de agora fique mais atenta pois as contrações provavelmente não serão de treinamento, então peça orientação do seu médico e conte o tempo.

40ª semana

Seu bebê ainda não nasceu? Bem, ele tem no máximo mais duas semanas para sair por conta própria ou você deverá entrar com ação de despejo! Fique atenta a todos os movimentos do bebê e qualquer alteração procure seu médico imediatamente.

Conclusão

Se você leu este artigo inteiro no início da gestação, esperamos não ter te assustado muito antecipando o que virá na sua gravidez semana a semana.

A gente jura que vai valer a pena e que quando você pegar seu bebezinho no colo nem vai lembrar de todo desconforto que você viveu na sua gravidez semana a semana.

Leave A Reply

Your email address will not be published.