Take a fresh look at your lifestyle.

Alecrim Para o Cabelo Como Fazer? Como usar?

O alecrim é uma das ervas mais antigas e mais utilizadas para diversos fins medicinais e alimentícios, devido às suas poderosas propriedades anti inflamatórias, calmantes, digestivas, aromatizantes e cicatrizantes, entre outras. Mas você já ouviu dizer que se pode usar também alecrim para o cabelo?

Desde que foi encontrado em túmulos egípcios, indicando que desde então vinha sendo usado por povos antigos, o alecrim continua sendo explorado até hoje. Muito utilizado na medicina tradicional, o alecrim é um ingrediente poderoso capaz de proporcionar um aroma agradável e calmante, além de trazer muitos outros benefícios à saúde.

Há quem utilize o alecrim em forma de infusão (chá), como condimento desidratado ou fresco, ou em forma de extrato (óleo) para melhorar problemas de cognição, tratar a indigestão e inflamações no organismo, dentre outros usos.

Porém, tanto o chá como o óleo de alecrim são amplamente usados em tratamentos variados para os cabelos, devido a muitos dos seus benefícios aos fios. Isso porque o alecrim para o cabelo pode ajudar agir diretamente nos folículos capilares, fazendo uma limpeza profunda, estimulando o crescimento dos fios e deixando-os mais fortes, evitando danos como queda e quebra dos fios.

Ficou interessada nos benefícios do alecrim para cabelo? Então, continue lendo o artigo abaixo e saiba como fazer para utilizá-lo! Confira!

Antes, um pouco sobre o Alecrim

alecrim para cabelo erva poderosa
O alecrim para cabelo possui propriedades poderosas.

O alecrim ou Rosmarinus officinalis é uma erva aromática comum na região do Mediterrâneo, que pertence à família Lamiaceae, a mesma das mentas como o manjericão, a lavanda, a murta e a sálvia.

A planta exala um aroma forte e agradável muito característico, sendo largamente utilizada para fins culinários, medicinais, cosméticos e religiosos. Podendo ser usado como uma erva aromática na culinária através das suas folhas frescas ou secas ou na medicina alternativa e cosmética em forma de chás e extratos.

Desde a antiguidade, os povos antigos utilizam o alecrim como incensos, unção e banhos em cerimônias religiosas. Na medicina ele é usado como como ingrediente fitoterápico medicinal para tratar condições de saúde no fígado, coração e cérebro.

Isso porque ele possui nutrientes e substâncias antioxidantes como vitaminas do complexo B, vitamina A, vitamina C, minerais como ferro, zinco, magnésio e cálcio, muito importantes para a saúde em geral.

Como cosmético, o alecrim é utilizado na perfumaria como óleo essencial devido à grande concentração de fitonutrientes que incluem substâncias como ácido cafeico, cânfora, ácido rosmarínico, ácido ursólico, tanino, pineno e outros princípios ativos que lhe conferem propriedades excitantes, tônicas e estimulantes.

Por esta razão, o alecrim para o cabelo também pode trazer muitos benefícios. Mas para que isso aconteça, é necessário extrair os nutrientes da planta através do chá ou do óleo essencial.

Benefícios do alecrim para o cabelo

O alecrim para cabelo pode trazer muitos benefícios aos fios.
O alecrim para cabelo pode trazer muitos benefícios aos fios.

Os benefícios do alecrim são numerosos, devido a suas muitas das propriedades, além de ser rico em fibras, vitamina B, C, cálcio, sódio, ferro, magnésio, fósforo e potássio. Ele possui propriedades digestivas, sudoríferas, diuréticas, anti depressivas, anti-inflamatórias, antioxidantes, desintoxicantes, estimulantes, antibacterianas e analgésicas.

Tudo isso porque contém ácido rosmarínico, ácido caféico, ácido carnósico, ácido betulínico, e carnosol, sem conter nenhuma contraindicação ou toxicidade. Sendo assim, o alecrim para cabelo pode ser aplicado diretamente sobre os fios (chá ou óleo), ou tomado na forma de chá, trazendo inúmeros benefícios. Veja abaixo:

1. Previne e diminui a queda de cabelo

A queda de cabelo pode ser provocada por diversos fatores, mas a exposição do organismo aos radicais livres é um dos que mais contribui para o problema, pois eles provocam o envelhecimento acelerado das células, causando a degeneração do folículo capilar.

Por ser extremamente rico em antioxidantes, o alecrim para o cabelo combate esses radicais livres, e por conta das suas propriedades estimulantes, anti-inflamatórias e desintoxicantes, ainda é capaz de melhorar a circulação sanguínea na região do couro cabeludo e reduzir inflamações.

Além disso, o alecrim promove um efeito calmante e anti estresse no couro cabeludo que evita a perda dos cabelos desencadeada por estresse. Quando aplicado ao couro cabeludo, ele faz uma limpeza profunda, desintoxicando e estimulando os folículos capilares, fortalecendo os fios, diminuindo a queda.

2. Retarda o envelhecimento precoce dos cabelos

Por conta da presença de substâncias oxidantes, o alecrim para o cabelo pode estimular o crescimento do cabelo, mas também retardar o processo natural de envelhecimento ao combater os radicais livres.

Ele também ajuda a proteger o couro cabeludo dos efeitos oxidativos causados pela exposição excessiva ao sol, retardando o envelhecimento precoce dos cabelos e escurecer os fios, ajudando a disfarçar os fios grisalhos ou brancos.

3. Fortalece os fios de cabelo

Vários fatores contribuem para danificar os cabelos e fazer com que eles percam seus nutrientes, como o uso de secadores, chapinha, procedimentos químicos, tinturas, além da exposição excessiva ao sol e vento. Por isso, é importante oferecer uma nutrição adequada aos fios e repor o que foi perdido.

Assim, o alecrim para cabelo é uma excelente fonte de antioxidantes como a vitamina C, que ajuda a proteger os fios de danos naturais ou químicos, além de ajudar a estimular a produção de colágeno que mantém os cabelos fortes e saudáveis.

4. Combate infecções e caspa

Devido às suas propriedades antibacterianas, antifúngicas e anti-inflamatórias que aumentam as defesas do nosso couro cabeludo, o alecrim é capaz de combater infecções e a caspa.

A caspa, por exemplo, é causada por um tipo de levedura que leva a uma inflamação no couro cabeludo. O ácido rosmarínico, um dos ingredientes ativos do alecrim, é o responsável pelas suas propriedades anti-inflamatórias e bactericidas que ajudam a acalmar o couro cabeludo, a manter a região limpa e a tratar infecções.

Dessa forma, o alecrim para cabelo é excelente contra microorganismos como caspas e piolhos. Suas propriedades analgésicas também agem contra a dor em casos de inflamações mais graves no couro cabeludo.

5. Estimula o crescimento do cabelo

O alecrim contém nutrientes como ferro e magnésio que são essenciais para a produção de hemoglobina, molécula responsável pelo transporte de oxigênio e nutrientes pelo sangue.

Dessa forma, o alecrim para o cabelo é capaz de melhorar a circulação sanguínea fazendo com que mais nutrientes cheguem até o couro cabeludo, estimulando o crescimento mais rápido, além de nutrir. Ele também ajuda a estimular os folículos capilares, fazendo com que o cabelo cresça mais forte.

Leia mais: Receita para Crescer Cabelo: Métodos Simples e Práticos!

6. Melhora a textura e reduz oleosidade e frizz

O alecrim para cabelo pode ajudar a melhorar a textura dos fios, principalmente dos cabelos oleosos. Isso porque os seus nutrientes promovem um efeito revitalizante de limpeza profunda, que diminui a opacidade e devolve o brilho aos fios, sem deixá-los oleosos ou ressecados demais.

O óleo de alecrim é também capaz de penetrar nos fios e selar as cutículas, retendo a umidade por mais tempo, mantendo-os hidratados por mais tempo e diminuindo o frizz.

Leia mais: Como Acabar Com o Frizz do Cabelo? 14 Dicas!

Como usar alecrim para cabelo

O alecrim para cabelo pode ser usado como chá ou óleo.
O alecrim para cabelo pode ser usado como chá ou óleo.

Existem vários maneiras de aplicar o alecrim no cabelo e obter os seus benefícios. O alecrim para cabelo pode vir pronto para ser usado estando presente na formulação de algum produto disponível no mercado (shampoos, máscaras, condicionadores e leave-ins).

Ele também pode ser utilizado na forma de óleo essencial e ser aplicado diretamente nos fios ou ainda pode ser usado na forma de chá, sendo tomado 3 vezes ao dia ou aplicado diretamente nos fios.

No entanto, para que os benefícios do alecrim para o cabelo sejam obtidos com mais rapidez, o ideal é optar pelo óleo, pois a aplicação tópica diretamente nos fios é mais eficaz do que ingerir o chá.

O chá é capaz de proporcionar benefícios para o organismo em geral, não sendo tão visíveis para o cabelo. Mas nada impede de você passar o chá nos cabelos para melhores resultados. Porém, o óleo é mais eficaz por conter uma maior concentração de nutrientes.

Como fazer o óleo de alecrim

Você pode comprar o óleo de alecrim para cabelo pronto em lojas de produtos naturais ou em sites pela internet. No entanto, ele também pode ser feito facilmente em casa, mas você terá que usar as folhas frescas de alecrim e misturar com algum outro óleo vegetal, como o óleo de girassol ou o azeite de oliva extravirgem, por exemplo.

Para fazer, aqueça o óleo em fogo baixo e em seguida adicione as folhas de alecrim, misturando tudo até que murchem. Deixe ali cozinhando por alguns minutos, agora em fogo alto e desligue o fogo.

Por fim, deixe esfriar e guarde o óleo em um recipiente de vidro escuro com tampa sem precisar coar a mistura. Ele pode ser armazenado por até uma semana em um local arejado, mas NUNCA deve ser ingerido.

Como fazer o chá de alecrim

Já o chá de alecrim para cabelo pode ser feito a partir das folhas secas ou frescas, mas deve ser tomado imediatamente após o preparo para não perder seus nutrientes. Para preparar, coloque cerca de uma xícara de folhas de alecrim em água já fervida e deixe em infusão por cerca de 10 minutos. Depois disso, coe a mistura e beba até 3 vezes ao dia. Se quiser, pode armazenar o chá durante um dia dentro da geladeira.

Como aplicar o chá e o óleo de alecrim no cabelo

O chá ou óleo de alecrim para cabelo pode ser utilizado de diversas formas.
O chá ou óleo de alecrim para cabelo pode ser utilizado de diversas formas.

É muito comum as pessoas misturarem o chá ou o óleo de alecrim a produtos cosméticos como shampoos, condicionadores e máscaras, a fim de potencializar os seus benefícios. Além disso, é possível também misturar o óleo de alecrim para cabelo com outros óleos essenciais como de lavanda, amêndoas, coco, hortelã ou azeite de oliva extravirgem.

O chá pode ser usado logo que for feito e resfriado, mas o óleo de alecrim deve ser diluído em água primeiro para evitar irritações no couro cabeludo. Recomenda-se usar cerca de 20 a 30 gotas do óleo em um copo de água (200ml). Veja abaixo diferentes formas de utilizar o alecrim para cabelo:

1. Umectação com óleo de alecrim

A umectação é feita ao aplicar o óleo de alecrim morno nos fios, para obter um efeito hidratante e nutritivo. Recomenda-se misturar o óleo de alecrim para cabelo com algum outro óleo como o de coco, de amêndoas ou azeite de oliva para potencializar os benefícios e facilitar a sua aplicação.

Aqueça a mistura e aplique o óleo morno nos fios, massageando bastante o couro cabeludo por aproximadamente 10 minutos. Depois, enrole uma toalha quente ou coloque uma touca térmica, deixando a mistura agir por uns 30 minutos.

Depois é só lavar os cabelos normalmente. O tratamento pode ser feito até 2 vezes por semana para manter o cabelo hidratado e estimular o seu crescimento. Além disso, pode ser feita uma umectação noturna, em que você deixa o óleo agindo a noite inteira, e lava só no dia seguinte.

Leia mais: Como Nutrir o Cabelo? Caseiro, Shampoo, Dicas!

2. Tônico Leave-in

O óleo de alecrim para cabelo pode ser um substituto ao seu leave-in do dia a dia. Ele também vai promover brilho aos fios, deixá-los macios e ainda melhorar a circulação sanguínea na região do couro cabeludo.

Para preparar, utilize o chá feito com as folhas frescas de alecrim e adicione 5 gotas do óleo para potencializar a sua eficácia, ou dilua 15 gotas do óleo de alecrim em uma xícara de água (50 ml) previamente fervida.

Despeje qualquer uma dessas misturas em um borrifador e aplique nos cabelos úmidos ou secos sempre que precisar, massageando bastante. Deixe agindo nos fios por pelo menos 30 minutos, em seguida lave os cabelos normalmente.

3. Solução de limpeza profunda

De vez em quando, a limpeza profunda nos cabelos é necessária para remover resíduos de shampoos e condicionadores que se acumulam no couro cabeludo e nos fios.

Mas para isso, o ideal é combinar as propriedades do alecrim com o vinagre de maçã. Misture uma xícara de vinagre de maçã com cerca de 4 ramos de alecrim fresco e 2 xícaras de água.

Triture os ramos de alecrim dentro do vinagre de maçã e deixe dentro de um frasco de vidro escuro um local fresco por 2 semanas, sem exposição solar. Depois disso, misture 4 colheres dessa solução em 2 xícaras de água e use para enxaguar os cabelos após a lavagem uma vez por mês.

4. Tônico anticaspa e queda

Como vimos, as propriedades antibacterianas e antifúngicas do alecrim ajudam a combater as inflamações. Por isso, o alecrim para cabelo é indicado como fortificante do couro cabeludo e como loção anti-caspa.

Para isso, faça um chá bem forte com alecrim e adicione sálvia. Depois de pronto e resfriado, coloque dentro do shampoo, na proporção de um quarto de chá para um frasco de shampoo. Lave os cabelos com o produto uma ou duas vezes por semana.

5. Máscara para estimular o crescimento

As máscaras de hidratação caseiras são excelentes para hidratar os fios e nutrir, nada melhor que agregar os poderes do alecrim à mistura para estimular o crescimento.

Para isso, misture 1 ovo com 1 colher de chá de mel orgânico, 1 colher de chá de óleo de coco e 6 gotas de óleo essencial de alecrim. Aplique nos cabelos e deixe agir por 60 minutos, enxaguando em seguida com água morna e deixe secar naturalmente.

6. Como último enxágue

Após lavar os fios, o chá de alecrim no cabelo pode ser usado como último enxágue após a lavagem. Basta espalhar a solução e massagear o couro cabeludo, deixando agir de 10 a 20 minutos. Depois é só enxaguar novamente com água fria ou deixar nos fios até a próxima lavagem.

6. Para intercalar com as lavagens

Tem gente que costuma transpirar bastante na cabeça, mesmo sem fazer atividades físicas. O alecrim no cabelo pode ser utilizado para intercalar as lavagens, fazendo uma limpeza suave e deixar o couro cabeludo refrescante e cheiroso.

7. Para escurecer o cabelo

Por se tratar de um ingrediente natural, os resultados não serão imediato, mas o alecrim para cabelo pode ser usado para escurecer os fios brancos. Isso pode demorar de 2 a 3 meses, dependendo muito do cabelo de cada um.

Mas vale à pena por conta de suas propriedades de tratamento e por não agredir os fios. Basta misturar o chá de alecrim com folhas de sálvia, chá preto ou cravo para potencializar os seus efeitos.

Cuidados com o alecrim no cabelo

Embora o alecrim seja um ingrediente natural e não oferecer riscos à saúde da maioria das pessoas, ele ainda pode causar reações alérgicas em algumas pessoas quando ingerido ou aplicado em excesso.

Por isso, sempre procure ajuda médica caso observe qualquer sintoma de alergia tais como vômito, náusea, diarréia ou alterações na pele. Há relatos também de espasmos quando utilizado em excesso.

Caso o óleo de alecrim seja aplicado diretamente no couro cabeludo, recomenda-se primeiro diluí-lo em água, além de lavar a região com água morna para remover resíduos, a fim de evitar qualquer tipo de reação alérgica ou irritação na área.

O alecrim também está relacionado a alguns casos de aborto espontâneo ou danos ao feto, quando ingerido em excesso. Portanto, evite o seu consumo se estiver grávida ou em fase de amamentação.

Além disso, podem ocorrer interações medicamentosas com certos tipos de medicamentos e suplementos. Dessa forma, consulte o seu médico antes de usar o alecrim.

Leave A Reply

Your email address will not be published.